Adriane Galisteu se declara a Senna após ser vetada de série da Netflix sobre o piloto

GUO


 Adriane Galisteu presta homenagem a Ayrton Senna no dia em que ele completaria 64 anos

Adriane Galisteu, apresentadora e ex-namorada do saudoso piloto de Fórmula 1 Ayrton Senna, emocionou seus seguidores ao prestar uma homenagem comovente no dia em que o ícone brasileiro completaria 64 anos. Através de suas redes sociais, Galisteu compartilhou memórias e declarações de amor ao piloto, expressando sua admiração e saudade.

No dia 21 de março, data de aniversário de Ayrton Senna, Adriane Galisteu utilizou suas redes sociais para relembrar momentos especiais ao lado do piloto e destacar sua importância em sua vida. A apresentadora compartilhou fotos e vídeos do casal, acompanhados por mensagens emotivas e palavras de carinho.

"Meu eterno amor, feliz aniversário! Você está sempre presente em meu coração e na minha memória. Saudades eternas", escreveu Galisteu em uma das publicações, demonstrando o quanto o piloto ainda ocupa um lugar especial em sua vida, mesmo após tantos anos de sua partida prematura.

A homenagem de Adriane Galisteu ganhou destaque nas redes sociais, com milhares de fãs e seguidores do casal compartilhando mensagens de apoio e gratidão. Muitos admiradores de Ayrton Senna também se uniram à comoção, reconhecendo a importância do piloto não apenas como um ícone esportivo, mas também como uma figura inspiradora e querida por muitos.

No entanto, a homenagem de Galisteu também trouxe à tona uma questão polêmica envolvendo a Netflix. A apresentadora expressou sua chateação com a plataforma de streaming por não ter sido convidada para participar de uma série sobre a vida de Ayrton Senna, apesar de seu relacionamento significativo com o piloto.

Segundo informações divulgadas pelo portal de notícias UOL, Adriane Galisteu se sentiu excluída e desrespeitada pela decisão da Netflix de não incluí-la na série, considerando sua proximidade e importância na vida de Ayrton Senna. A ausência de Galisteu na produção causou indignação entre seus fãs e seguidores, que exigiram mais reconhecimento à sua história com o piloto.

Até o momento, a Netflix não se pronunciou publicamente sobre as críticas de Adriane Galisteu. No entanto, a controvérsia gerada pela exclusão da apresentadora da série reforça a importância de reconhecer e valorizar as contribuições de todas as pessoas que fizeram parte da vida e do legado de Ayrton Senna.

Enquanto isso, a homenagem emocionante de Adriane Galisteu ao piloto continua a inspirar fãs e admiradores em todo o mundo, lembrando-nos da importância de celebrar e preservar a memória de um dos maiores ícones do esporte brasileiro e mundial. Ayrton Senna pode ter partido, mas seu legado e seu impacto perduram através das homenagens e do carinho daqueles que o amaram e o admiraram.

#buttons=(Accept !) #days=(20)

Our website uses cookies to enhance your experience. Check Now
Accept !