Fernanda Lacerda, a Mendigata, come placenta após parto e é detonada por Fake News

GUO


 Fernanda Lacerda Compartilha Momento Controverso: Ingestão da Placenta Divide Opiniões na Internet


São Paulo, Brasil - A ex-participante de reality show e influenciadora digital, Fernanda Lacerda, conhecida como Mendigata, causou um alvoroço nas redes sociais ao compartilhar um vídeo em que aparece ingerindo sua própria placenta após o parto de seu primeiro filho, Gabriel. O vídeo, publicado em seu Stories, mostrou Fernanda deitada em uma maca, segurando o bebê nos braços, enquanto uma médica explicava os supostos benefícios da placentofagia, prática de ingerir a própria placenta após o parto.


Na gravação, a médica alega que a ingestão da placenta pode repor nutrientes perdidos durante o parto, melhorar a produção de leite no pós-parto e diminuir os sintomas da depressão pós-parto. Fernanda, por sua vez, complementa na legenda que a ingestão da placenta lhe proporcionou mais energia e melhorou sua produção de leite, além de comparar o sabor do tecido à comida japonesa, dizendo que se assemelha a um sushi ou sashimi.


No entanto, a controvérsia se instaurou quando a própria plataforma do Twitter decidiu intervir, classificando as informações divulgadas por Fernanda e pela médica como fake news. Embaixo de todos os posts que compartilhavam o vídeo, um aviso foi exibido aos usuários: "Essa prática não tem nenhum benefício e é desaconselhada por médicos da Federação Brasileira de Ginecologia e Obstetrícia (Febrasgo)".


A reação dos internautas foi imediata, com muitos expressando desapontamento pela disseminação de informações incorretas por parte de Fernanda e da médica. Alguns usuários apontaram que, embora compartilhar momentos especiais seja aceitável, a divulgação de informações inverídicas foi irresponsável e prejudicial.


O nascimento de Gabriel foi anunciado por Fernanda no domingo, 29 de outubro. Ela revelou que tentou ter um parto normal, mas os médicos acabaram optando pela cesárea após sua chegada ao hospital com 6 centímetros de dilatação. A criança nasceu com 3,460 quilos no Hospital Maternidade Pro Matre Paulista, em São Paulo.


Em declarações à imprensa, Fernanda compartilhou sua perspectiva sobre o nascimento de Gabriel: "Nem tudo acontece como planejamos, mas Deus faz tudo acontecer perfeitamente como tem que acontecer. A única coisa que importa é ele vir com saúde e da melhor forma para ele."


Apesar da polêmica em torno da prática da placentofagia, Fernanda Lacerda permanece firme em sua decisão, desencadeando um debate fervoroso sobre essa prática controversa e suas alegadas vantagens. O episódio reforça a importância de buscar informações precisas e confiáveis sobre práticas de saúde, especialmente em um contexto tão sensível quanto a maternidade.

Tags

#buttons=(Accept !) #days=(20)

Our website uses cookies to enhance your experience. Check Now
Accept !