Exposição nos EUA Revela Espécime Único de Cobra de Duas Cabeças

GUO


Cobra de Duas Cabeças Retorna à Exibição Após Recuperação de Lesão em Zoológico no Texas

Após um período de dois anos de recuperação de uma lesão, uma rara cobra de duas cabeças está de volta à exibição no Cameron Park Zoo, localizado no Texas, Estados Unidos. Este espécime extraordinário ganhou dois nomes, cada um correspondente a uma das cabeças: Pancho e Lefty. Atualmente, o réptil habita um recinto especialmente projetado para sua condição única.

A notícia da volta de Pancho e Lefty ao zoológico do Texas despertou grande interesse entre os amantes da natureza e curiosos sobre animais raros. Os dois répteis chegaram ao zoológico pela primeira vez em 2016 e rapidamente se tornaram uma atração querida pelo público. A jornada deles começou quando uma mulher próxima a Waco avistou a cobra ainda bebê em seu quintal e prontamente entrou em contato com as autoridades locais para o manejo adequado.

Na época de sua chegada ao zoológico, Pancho e Lefty mediam apenas 20 centímetros de comprimento e tinham entre 18 e 20 semanas de vida. O espécime é uma variedade de cobra-rato ocidental (Pantherophis obsoletus) e, após passar por uma quarentena de 18 meses, foi introduzido na exibição pública em 2018.

A peculiaridade desses répteis é a condição rara conhecida como bicefalia, em que um único embrião inicia o processo de divisão para formar gêmeos idênticos, porém não completa a separação. Essa condição é comparável aos gêmeos siameses em humanos.

A bicefalia é um fenômeno que ocorre na natureza há milhões de anos, sendo comprovado até mesmo por fósseis, como um réptil de duas cabeças encontrado na China. Embora Pancho e Lefty estejam atualmente em boa saúde, sua condição de vida não é sem desafios.

As peculiaridades da bicefalia apresentam dificuldades no movimento coordenado das cobras, uma vez que seus dois cérebros enviam comandos diferentes para o corpo. Isso resulta em movimentos desajeitados e, em alguns casos, acidentes. Em 2021, a cobra machucou o pescoço esquerdo ao tentar mover-se em direções opostas, o que a levou a ser retirada da exibição para se recuperar.

A recuperação levou mais de um ano, com a ferida finalmente cicatrizando completamente. Para evitar futuros incidentes, o recinto onde os irmãos siameses são mantidos foi ajustado, eliminando elementos que poderiam prender seus pescoços.

Curiosamente, ao longo do tempo, o lado dominante entre as cabeças de Pancho e Lefty parece ter mudado. Inicialmente, a cabeça esquerda era a dominante, mas anos depois, o lado direito passou a ser mais ativo. Essa dinâmica reforça a complexidade desses animais excepcionais.

Em seu habitat natural, cobras com duas cabeças geralmente têm dificuldades em sobreviver devido à complexidade de coordenar movimentos e decisões. Dois cérebros podem, em alguns casos, resultar em problemas na hora de enfrentar situações como fugir de predadores.

A história de Pancho e Lefty no Cameron Park Zoo ilustra a incrível diversidade da natureza e a capacidade de adaptação das espécies. A equipe do zoológico se empenha em proporcionar um ambiente adequado para essas cobras únicas, permitindo que os visitantes aprendam sobre a rara bicefalia e apreciem a maravilha da biodiversidade.

#buttons=(Accept !) #days=(20)

Our website uses cookies to enhance your experience. Check Now
Accept !